Posição da Sociedade Brasileira de Educação Matemática sobre Diretrizes para Formação de Professores

Apresentamos a posição da SBEM – Sociedade Brasileira de Educação Matemática – sobre as Diretrizes Curriculares Nacionais e Base Comum para a Formação Inicial e Continuada de Professores da Educação Básica (CNE-MEC).

Afirmamos nossa sintonia com a visão apresentada pela ANPED – Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação, a qual destaca que “o professor é uma pessoa que marca a vida de outras pessoas, que faz a diferença na vida de crianças, de jovens e de adultos, o que é possível justamente porque a prática educativa enquanto prática social não é homogênea, mas contextual, plural e diversa” (documento de posicionamento http://www.anped.org.br/news/posicao-da-anped-sobre-texto-referenciadcn-...).

Consideramos como uma conquista de nossa sociedade a elaboração de políticas públicas da educação, inclusive aquelas sobre a formação de professores em consonância com as demandas da escola básica democrática, laica, universal e inclusiva, por proposição de muitos segmentos sociais, entre eles os movimentos docentes. Assim, manifestamos nossa profunda preocupação com a apresentação de uma proposta que se apresenta ao debate quando sua formulação se encontra finalizada e, nos seus termos, com a abertura à lógica privatista da educação em todos os níveis.

Clique aqui e acesse a nota na íntegra.

Leia Também